ANEAM - Associação Nacional dos Engenheiros Ambientais

22-05-2015

ESTUDO APONTA GARGALOS NA IMPLEMENTAÇÃO DO CAR APÓS UM ANO DE FUNCIONAMENTO

Avalie este item
(0 votos)

 

 

 

Inovacar mostra que existem deficiência nos Programas de Regularização Ambiental na maioria dos estados.

 

 

Pesquisa realizada pelas entidades Conservação Internacional Brasil (CI Brasil), WWF Brasil e Observatório do Código Florestal avaliou a implementação do Cadastro Ambiental Rural neste primeiro ano. A avaliação do estudo Inovacar é que o novo Código Florestal só vai funcionar se estados, governo federal e setor produtivo adotem medidas conjuntas. 

 

Os resultados foram apresentados na manhã desta quarta, dia 20, em encontro em Brasília. Em busca de uma avaliação em campo para conhecer as reais dificuldades dos estados no cumprimento da lei florestal, os especialistas da Iniciativa de Observação, Verificação e Aprendizagem do CAR e da Regularização Ambiental coletaram os dados junto aos órgãos estaduais de meio ambiente responsáveis por colocar em prática a nova lei.

 

O chamado Código Florestal, ele tem aspectos bem inovadores e que exigem uma escala de atuação técnica, econômica e política de grande porte, de grande nível. Infelizmente, muitos estados não desenvolveram as capacidades para atender essa demanda que a lei exige - comenta Aldem Bourscheit, especialista em Políticas Públicas do WWF Brasil.

 

O diretor-geral do Serviço Florestal Brasileiro (SFB), Raimundo Deusdará Filho, reconhece que os dados apontados na pesquisa estão de acordo com o levantamento do governo federal. segundo ele, um sistema para analisar a veracidade das informações declaradas no CAR está pronto e prestes a ser implementado. Na fase de testes, os erros mais frequentes que o modelo encontrou estavam relacionados à sobreposição de terras.

 

Fonte: Canal Rural

 

 

 

 

Add comment


Security code
Refresh

Associação dos Engenheiros Ambientais

Top Desktop version