ANEAM - Associação Nacional dos Engenheiros Ambientais

11-12-2015

IBGE DISPONIBILIZA NOVA VERSÃO DA BASE CARTOGRÁFICA CONTÍNUA DO BRASIL NA ESCALA 1:250.000

Avalie este item
(0 votos)

O IBGE disponibiliza hoje (08/12/2015), no seu portal na internet, a versão 2015 da Base Cartográfica Contínua do Brasil na escala de 1:250.000 – BC250 (1 cm = 2,5 km), como parte do seu Programa de Atualização Permanente.

Esse programa tem por objetivo prover a sociedade de uma base cartográfica digital, vetorial, estruturada, integrada, contínua e atualizada de todo o território brasileiro, permitindo a obtenção de informações relativas ao posicionamento, nome geográfico e classificação dos elementos representados. Os dados vetoriais podem ser editados, permitido aos usuários que os adequem às suas necessidades. A Base Cartográfica Contínua do Brasil na escala 1:250.000 está disponível aqui.

 

A Base Cartográfica Contínua para o território nacional na escala 1:250.000 foi construída pelo IBGE para servir como referência cartográfica para as ações de planejamento, monitoramento e gestão territorial, e atualização das informações dos recursos naturais do país. A versão 2015 da BC250 foi produzida a partir da utilização de imagens orbitais mais recentes e de maior resolução espacial, bem como de informações oriundas de atividades de campo, que permitiram a atualização de diversas informações.

 

Foram priorizadas atualizações das seguintes categorias: localidades (cidade, vila, aglomerado rural isolado e área edificada), hidrografia (massa d’água, trecho de massa d’água, trecho de drenagem, barragem, corredeira e ilha), limites (limite de município, limite da unidade da federação, limite de pais, unidades de proteção integral, uso sustentável e terra indígena), sistema de transportes (trecho de rodovia, trecho ferroviário, pontes, pista de pouso e travessias) e energia e comunicações (hidroelétricas, termoelétricas, trecho de energia).

 

A BC250 está disponível em formato livre (shapefile e dump do PostGis), para utilização em Sistemas de Informação Geográfica, e é compatível com diferentes softwares de leitura desse tipo de dado. Sua modelagem está implementada conforme as Especificações Técnicas para Estruturação de Dados Geoespaciais Vetoriais na versão 2.1 (ET-EDGV v2.1), contemplando sete das 13 categorias de informação previstas: hidrografia, sistema de transporte, energia e comunicações, abastecimento de água e saneamento básico, estrutura econômica, localidades e limites.

 

Fonte: IBGE

Add comment


Security code
Refresh

Associação dos Engenheiros Ambientais

Top Desktop version